O Conselho de Ministros esteve ontem reunido no âmbito da renovação do Estado de Emergência que entrou em vigor 00h00 de hoje, dia 8, e que irá vigorar até às 23h59 do dia 15 de janeiro. 

Com o aumento significativo do número de novos casos diários, o Governo decidiu renovar o Estado de Emergência e anunciou, ao início da tarde desta quinta-feira (ontem), as novas medidas mais restritivas por forma a travar o crescimento exponencial da pandemia, em Portugal.

Segundo o Primeiro-ministro, António Costa, uma das primeiras medidas entrará já em vigor, no próximo fim de semana, dos dias 9 e 10 de janeiro, e será proibida a circulação entre concelhos e proibida também a circulação na via pública a partir das 13h00, em todos os concelhos que registem mais de 240 casos de Covid-19 por 100 mil habitantes.

Em comunicado emitido pelo Conselho de Ministros, pode ler-se que decidiu “aplicar a todo o território nacional continental a proibição de circulação entre concelhos entre as 23h00 do dia 8 de janeiro e as 5h00 do dia 11 de janeiro de 2021, salvo por motivos de saúde, de urgência imperiosa ou outros especificamente previstos”.