Valpaços

O concelho de Valpaços localiza-se no norte interior do país, integrando o distrito de Vila Real.

A actual cidade de Valpaços remonta ao primeiro período da nacionalidade (século XII -XIII), sendo inicialmente, pensa-se, um pequeno burgo habitado por nobres e famílias senhoriais.

São diversos os vestígios que ilustram a ocupação romana e as invasões bárbaras.

Um dos acontecimentos mais relevantes da história de Valpaços ocorreu em meados do século XIX, aquando da Guerra da Patuleia, em 1846. Valpaços foi palco de lutas de um movimento com características populares, mas que acaba por assumir uma elevada dimensão política.

Valpaços foi elevado a município em 1836 e em 1861 torna-se vila, por decreto de D. Pedro V. Em 1999 passa a ser cidade.

Rico em gastronomia, o concelho tem como produtos emblemáticos o presunto, o salpicão, alheiras, azeite, castanha, o vinho, entre outros, sendo a Feira da Castanha e a Feira do Folar dois dos principais eventos do concelho, reunindo produtores e visitantes apostados na excelência e qualidade dos produtos.

Mas nem só a gastronomia é forte atractivo da região. Também o opulente e vasto património cultural e religioso possibilita uma viagem pormenorizada pela história e biografia de um concelho que tem seguido uma política de desenvolvimento concertada e criado diversas estruturas e serviços para servir a população.

Presidente: Amílcar Rodrigues Alves Castro de Almeida

População: 16876 habitantes (Censos 2011 INE)

Área Geográfica: 553,5 km2

Web: www.valpacos.pt